abril, 2023

Escolhas e Renúncias

Por Anna Cláudia Passani Ferreira

A medicina parece ser, ainda,  um dos mais prestigiados ofícios do mundo moderno. Ainda, também, é uma das carreiras mais tradicionais e respeitadas do país, que encanta muitos e diversos estudantes, ano após ano, devido à nobreza da profissão e à grande empregabilidade.

Assim, muitas vezes, a vontade de trilhar esse caminho é passada de uma geração para a outra, mantendo o sonho da família de ter um médico entre os seus. Esse sonho nasce e se mantém vivo pela paixão e por haver grandes chances de sucesso profissional após a conclusão  da graduação. 

Mas, esse sonho nem sempre é fácil de ser alcançado: é preciso determinação para conquistar uma vaga nas melhores Universidades e, depois, ter uma carreira estabilizada no mercado, com satisfação pessoal  e recompensa financeira. 

A satisfação no trabalho aparenta ser um dos principais aspectos da carreira médica no Brasil, pois a maior parte desses são profissionais  satisfeitos ou muito satisfeitos com o próprio desempenho no trabalho. São profissionais que ganham bem com o que fazem, gostando do que fazem, fazendo bem, além da consciência de estarem “ajudando” seu próximo.

Entretanto, é fundamental apontar que, como em toda profissão gratificante e recompensadora, há  também enormes desafios que precisarão ser enfrentados e vencidos. Quem decide seguir a carreira médica, sabe que não pode se deixar vencer pelos problemas e pelas adversidades. É preciso caminhar rumo às superações daquilo que será imposto, naturalmente, por esses obstáculos, como grande carga de trabalho  e pressão constante…. 

Assim, deixo meu convite para vocês acompanharem comigo uma reflexão a respeito desses e de outros “perrengues” para quem escolhe viver uma Carreira Médica.

Até lá!!!

Acesse nossas pós-graduações

× Fale com nosso time pelo whatsapp